[ 23/10/2017 ]
Iveco lança edições especiais em comemor...

[ 23/10/2017 ]
Na crise, matrizes enviam R$ 60 bilhões ...

[ 23/10/2017 ]
Venda de caminhão dependerá menos do BND...

[ 23/10/2017 ]
Consumo puxa retomada gradual, mas sólid...

[ 23/10/2017 ]
Carro conectado requer aplicações mais s...

[ 23/10/2017 ]
Aceleradora divulga oito startups que vã...

[ 23/10/2017 ]
O glamour está de volta…...

[ 23/10/2017 ]
Novo CR-V chega ao País no primeiro bime...

[ 23/10/2017 ]
Chevrolet Deluxe 1941 é o regaste da inf...

[ 23/10/2017 ]
Permissão internacional para dirigir é a...

[ 20/10/2017 ]
Kia investe R$ 165 milhões para renascer...

[ 20/10/2017 ]
Com fim do Inovar-Auto, importadoras de ...

[ 20/10/2017 ]
Usinas já veem oportunidade com carro el...

[ 20/10/2017 ]
Petrobras anuncia alta de 0,20% no preço...

[ 20/10/2017 ]
Brasil avança em ranking de expansão da ...

[ 20/10/2017 ]
Montadora chinesa Chery quer vender 50% ...

[ 20/10/2017 ]
Novo centro de simulação da FCA acelera ...

[ 20/10/2017 ]
Cummins revigorada...

[ 20/10/2017 ]
Por que você deve comprar um carro usado...

[ 20/10/2017 ]
Contran regulamenta padrões para semáfor...




 

Data: 10/10/2017

Anfir e Apex-Brasil renovam acordo para incentivo das exportações
 
A Anfir, Associação Nacional dos Fabricantes de Implementos Rodoviários, entidade que congrega mais de 150 empresas nacionais, renovou acordo com a Apex-Brasil, a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos, para incentivo e desenvolvimento das exportações do setor. A parceria, a segunda entre as entidades, tem prazo de um ano.

A indústria brasileira exportou 2.426 implementos de janeiro a agosto, contra 2.547 no mesmo período do ano passado, recuo de 4,7%. “A renovação do acordo com a Apex-Brasil deverá trazer mais dinamismo aos esforços de internacionalização da indústria”, pondera Mario Rinaldi, diretor executivo da Anfir.

A primeira ação da parceria nesta nova fase será uma rodada de negócios com importadores latino-americanos durante a Fenatran 2017, que acontece de 16 a 20 de outubro no São Paulo Expo, centro de convenções e feiras na Zona Sul de São Paulo.

Mercado interno

Se os embarques ainda estão com desempenho negativo em 2017, as vendas ao mercado interno têm curva ainda mais declinante. No acumulado até setembro, foram emplacados somente 41,6 mil implementos, 13% menos do que nos nove primeiros meses de 2016.

Porém, dos quinze segmentos de reboques e semirreboques, cinco - basculante, baú carga geral, dolly, baú lonado e tanque carbono - já apresentaram variação positiva no período.

“Esse indicativo corrobora a impressão de que o setor está na rota de recuperação, lenta mas sem oscilações para baixo”, diz Alcides Braga, presidente da Anfir ANFIR-Associação Nacional dos Fabricantes de Implementos Rodoviários.

Fonte : AutoIndústria