[ 23/10/2017 ]
Iveco lança edições especiais em comemor...

[ 23/10/2017 ]
Na crise, matrizes enviam R$ 60 bilhões ...

[ 23/10/2017 ]
Venda de caminhão dependerá menos do BND...

[ 23/10/2017 ]
Consumo puxa retomada gradual, mas sólid...

[ 23/10/2017 ]
Carro conectado requer aplicações mais s...

[ 23/10/2017 ]
Aceleradora divulga oito startups que vã...

[ 23/10/2017 ]
O glamour está de volta…...

[ 23/10/2017 ]
Novo CR-V chega ao País no primeiro bime...

[ 23/10/2017 ]
Chevrolet Deluxe 1941 é o regaste da inf...

[ 23/10/2017 ]
Permissão internacional para dirigir é a...

[ 20/10/2017 ]
Kia investe R$ 165 milhões para renascer...

[ 20/10/2017 ]
Com fim do Inovar-Auto, importadoras de ...

[ 20/10/2017 ]
Usinas já veem oportunidade com carro el...

[ 20/10/2017 ]
Petrobras anuncia alta de 0,20% no preço...

[ 20/10/2017 ]
Brasil avança em ranking de expansão da ...

[ 20/10/2017 ]
Montadora chinesa Chery quer vender 50% ...

[ 20/10/2017 ]
Novo centro de simulação da FCA acelera ...

[ 20/10/2017 ]
Cummins revigorada...

[ 20/10/2017 ]
Por que você deve comprar um carro usado...

[ 20/10/2017 ]
Contran regulamenta padrões para semáfor...




 

Data: 11/10/2017

Petrobras anuncia quedas de 2,60% no preço da gasolina e de 0,20% no diesel
 
A Petrobras anunciou um novo reajuste para os combustíveis, com queda de 2,60% no preço da gasolina nas refinarias e recuo de 0,20% no preço do diesel. Os novos valores valem a partir da quarta-feira, dia 11 de outubro.

A nova política de revisão de preços foi divulgada pela petroleira no dia 30 de junho. Com o novo modelo, a Petrobras espera acompanhar as condições do mercado e enfrentar a concorrência de importadores.

Em vez de esperar um mês para ajustar seus preços, a Petrobras agora avalia todas as condições do mercado para se adaptar, o que pode acontecer diariamente.

Além da concorrência, na decisão de revisão de preços, pesam as informações sobre o câmbio e as cotações internacionais.

Fonte : Reuters