[ 7/12/2018 ]
Anfavea prevê crescimento de dois dígito...

[ 7/12/2018 ]
Argentina frustra estimativa de produção...

[ 7/12/2018 ]
Demanda por máquinas agrícolas e rodoviá...

[ 7/12/2018 ]
Para Anfavea, montadoras terão de arcar ...

[ 7/12/2018 ]
Brasileiro não está disposto a trabalhar...

[ 7/12/2018 ]
Até novembro, mais de 2,7 milhões de veí...

[ 7/12/2018 ]
2018, o ano em que a indústria retomou o...

[ 7/12/2018 ]
Fábrica da Goodyear em Americana complet...

[ 7/12/2018 ]
Iveco lança o caminhão pesado Hi-Road...

[ 7/12/2018 ]
Como a indústria automobilística brasile...

[ 6/12/2018 ]
VW tenta atrair fornecedores para caminh...

[ 6/12/2018 ]
Renault comemora 20 anos de fábrica no B...

[ 6/12/2018 ]
Montadoras aguardam benefício maior para...

[ 6/12/2018 ]
Bolsonaro planeja fundir agências regula...

[ 6/12/2018 ]
Indústria interrompe 3 meses de queda em...

[ 6/12/2018 ]
Venda de seminovos até 3 anos despenca, ...

[ 6/12/2018 ]
Venda de veículos importados cresce 29,4...

[ 6/12/2018 ]
PIB do agronegócio deverá crescer 2%, di...

[ 6/12/2018 ]
Roberto Cortes: convicção do fim da cris...

[ 6/12/2018 ]
Volkswagen diz que vai desenvolver ônibu...




 

Data: 8/2/2018

Renault acelera fabricação em janeiro e fevereiro para entregar 10 mil Kwid
 
Para atender a grande demanda do Kwid, a Renault acelerou a produção no Complexo Ayrton Senna, no Paraná, com o objetivo de entregar 10 mil unidades do veículo até o fim de fevereiro. Se antes era necessário esperar mais de 40 dias pelo modelo, o aumento da produção já reduziu o prazo de entrega. O cliente que entrar no site hoje e comprar o seu Kwid irá recebê-lo em menos de um mês. Este prazo é informado diretamente no site no momento da compra e varia em função da versão, opcionais e cores.

“O Kwid é um sucesso desde a campanha de pré-venda. Após o seu lançamento, toda a Renault estava empenhada em cumprir os compromissos assumidos com os nossos clientes no Brasil, além de garantir os volumes para a Argentina e Uruguai, países em que o Kwid também já foi lançado, com grande procura. Aceleramos a nossa produção para reduzir o tempo de entrega para quem quer adquirir o SUV dos compactos”, afirma Luiz Pedrucci, presidente da Renault do Brasil.

Com a grande procura pelo Kwid, a Renault contratou 1.300 colaboradores e passou a trabalhar em três turnos completos desde outubro do ano passado. O Renault Kwid pode ser adquirido a partir de R$ 29.990, com financiamento de 60 meses, com parcela de R$ 469 e taxa de 0,99%, diretamente pelo site.

Fonte : O Brasil Sobre Rodas