[ 15/2/2019 ]
Sindipeças firma parceria para incentiva...

[ 15/2/2019 ]
Setor automotivo tem maior crescimento e...

[ 15/2/2019 ]
Fábrica da Jeep de Goiana será o 1° SUV ...

[ 15/2/2019 ]
Comércio eletrônico de usados movimentou...

[ 15/2/2019 ]
Nissan não terá 3º turno este ano por ca...

[ 15/2/2019 ]
Tecnologia híbrida e-Power da Nissan pod...

[ 15/2/2019 ]
Changan: que marca é essa que vai vender...

[ 15/2/2019 ]
Caoa Chery Tiggo 7: mais uma peça na con...

[ 15/2/2019 ]
Bridgestone fornece equipamento original...

[ 15/2/2019 ]
Grupo FCA vai cantar de Galo com novidad...

[ 14/2/2019 ]
Volvo contrata 300 funcionários e eleva ...

[ 14/2/2019 ]
Toyota projeta em 2019 novos recordes em...

[ 14/2/2019 ]
Crédito deve impulsionar vendas de veícu...

[ 14/2/2019 ]
Vendas no varejo caem 2,2% em dezembro, ...

[ 14/2/2019 ]
Volvo estima crescimento de 20% no merca...

[ 14/2/2019 ]
Os carros PCD mais buscados no Brasil...

[ 14/2/2019 ]
Caminhão leve mais vendido do país e des...

[ 14/2/2019 ]
Coisas que você não sabia sobre o chicot...

[ 14/2/2019 ]
Equador recebe 52 ônibus Volksbus com ca...

[ 14/2/2019 ]
FPT Industrial aponta tendências em emis...




 

Data: 8/2/2018

Renault acelera fabricação em janeiro e fevereiro para entregar 10 mil Kwid
 
Para atender a grande demanda do Kwid, a Renault acelerou a produção no Complexo Ayrton Senna, no Paraná, com o objetivo de entregar 10 mil unidades do veículo até o fim de fevereiro. Se antes era necessário esperar mais de 40 dias pelo modelo, o aumento da produção já reduziu o prazo de entrega. O cliente que entrar no site hoje e comprar o seu Kwid irá recebê-lo em menos de um mês. Este prazo é informado diretamente no site no momento da compra e varia em função da versão, opcionais e cores.

“O Kwid é um sucesso desde a campanha de pré-venda. Após o seu lançamento, toda a Renault estava empenhada em cumprir os compromissos assumidos com os nossos clientes no Brasil, além de garantir os volumes para a Argentina e Uruguai, países em que o Kwid também já foi lançado, com grande procura. Aceleramos a nossa produção para reduzir o tempo de entrega para quem quer adquirir o SUV dos compactos”, afirma Luiz Pedrucci, presidente da Renault do Brasil.

Com a grande procura pelo Kwid, a Renault contratou 1.300 colaboradores e passou a trabalhar em três turnos completos desde outubro do ano passado. O Renault Kwid pode ser adquirido a partir de R$ 29.990, com financiamento de 60 meses, com parcela de R$ 469 e taxa de 0,99%, diretamente pelo site.

Fonte : O Brasil Sobre Rodas