[ 20/7/2018 ]
Itaú Unibanco firma parceria com Jaguar ...

[ 20/7/2018 ]
Indústria de autopeças reduz ritmo de cr...

[ 20/7/2018 ]
Déficit comercial atinge US$ 2,8 bilhões...

[ 20/7/2018 ]
Em Minas, setor automotivo espera impuls...

[ 20/7/2018 ]
Pedágios podem subir para compensar eixo...

[ 20/7/2018 ]
Inovação é peça-chave da IVECO no segmen...

[ 20/7/2018 ]
Dois SUVs médios com preços incríveis...

[ 20/7/2018 ]
Hyundai Creta chega à linha 2019 mais ca...

[ 19/7/2018 ]
Queda de exportações faz Volkswagen dar ...

[ 19/7/2018 ]
BMW e EDP criam o maior corredor elétric...

[ 19/7/2018 ]
Crédito de exportação do setor automotiv...

[ 19/7/2018 ]
Encontro entre Mercosul e UE fica sem ac...

[ 19/7/2018 ]
Europa anuncia tarifa para importação de...

[ 19/7/2018 ]
Volkswagen novo Polo MSI e Virtus MSI ga...

[ 19/7/2018 ]
Fiat Argo 2019 ganha novos itens de séri...

[ 19/7/2018 ]
Fiat renova parceria com Inhotim...

[ 19/7/2018 ]
Estratégia da Mercedes-Benz para e-mobil...

[ 19/7/2018 ]
Congresso Fenabrave: os novos desafios d...

[ 18/7/2018 ]
Brasil puxa expansão global da Volkswage...

[ 18/7/2018 ]
Mercosul propõe reduzir taxas para carro...




 

Data: 13/3/2018

PSA assina acordo para montagem de veículos Opel e Peugeot na Namíbia em 2018
 
O Groupe PSA e o governo da Namíbia assinaram um acordo de investimento que promove a criação de uma joint venture entre o Groupe PSA e a Namibia Development Corporation (NDC) para montagem, a partir do segundo semestre de 2018, de veículos das marcas OPEL e PEUGEOT em Walvis Bay. Um volume anual de 5 mil unidades está planejado para 2020, para atender às expectativas do mercado SACU*.

A produção iniciará com o OPEL GrandlandX, o PEUGEOT 3008 e outros modelos poderão ser montados posteriormente para atender à demanda dos nossos clientes.

Este acordo faz parte do plano estratégico de crescimento rentável “Push to Pass” e tem como objetivo de satisfazer às expectativas dos clientes em todas as regiões em que o Grupo atua. Ele incorpora a ambição do Groupe PSA em se expandir internacionalmente, produzindo diretamente 70% dos veículos vendidos na região do Oriente Médio e da África.

Esse projeto também destaca o potencial de desenvolvimento da marca Opel na região. A produção de modelos da Opel foi decidida e implementada em tempo recorde, menos de quatro meses após o anúncio do plano estratégico PACE!, em 9 de novembro de 2017.

Jean-Christophe Quémard, Vice-Presidente Executivo da região do Oriente Médio e da África do Groupe PSA, comentou: “Este investimento na Namíbia faz parte da estratégia a longo prazo do Groupe PSA para aumentar suas vendas na África e no Oriente Médio, com o objetivo de vender um milhão de veículos em 2025. Esta nova capacidade de produção servirá os mercados da região com produtos OPEL e PEUGEOT, que atenderão às expectativas de nossos clientes”.

Fonte : Revista Torque