[ 8/3/2019 ]
Governo cobra da Ford solução para fábri...

[ 8/3/2019 ]
Foton inaugura nova revenda em São Paulo...

[ 8/3/2019 ]
Venda de importados cai 3% em fevereiro...

[ 8/3/2019 ]
Em São Bernardo, trabalhadores da Ford f...

[ 8/3/2019 ]
Caminhões e ônibus lideram venda de veíc...

[ 8/3/2019 ]
Roberto Cortes tem audiência com o gover...

[ 8/3/2019 ]
Volvo vai limitar carros a 180 km/h a pa...

[ 8/3/2019 ]
Chevrolet Cruze deixa de ser fabricado n...

[ 8/3/2019 ]
Toyota anuncia aposentadoria de Steve St...

[ 8/3/2019 ]
BYD Europa fornecerá 30 ônibus elétricos...

[ 7/3/2019 ]
Trabalhadores da Ford convocam protesto ...

[ 7/3/2019 ]
Vendas de caminhões avança 66% em fevere...

[ 7/3/2019 ]
Mercado de veículos usados segue em alta...

[ 7/3/2019 ]
Mercado reduz expectativa de crescimento...

[ 7/3/2019 ]
Conceito de Indústria 4.0 chega à linha ...

[ 7/3/2019 ]
Programa de inclusão social de Resende g...

[ 7/3/2019 ]
Volvo FH540 assume liderança das vendas ...

[ 7/3/2019 ]
Etios despenca nas vendas com chegada do...

[ 7/3/2019 ]
Bugatti lança o carro mais caro da histó...

[ 7/3/2019 ]
Quem é Carlos Ghosn, executivo brasileir...




 

Data: 22/6/2018

Apple, Samsung e montadoras criam solução padronizada para abrir carros com o celular
 
Algumas das principais fabricantes de eletrônicos e de veículos querem que o celular seja mais útil para motoristas. Para isso, elas mantêm o Consórcio de Conectividade de Carros e trabalham em algumas soluções nesse sentido.

A mais recente delas define um padrão para o smartphone ser usado como chave para abrir um automóvel. Assim, os motoristas poderão trancar, destrancar, ligar o motor e compartilhar o acesso de carro com outras pessoas por meio do iPhone, por exemplo.

A chave digital, como é chamada pelo consórcio, se conectará aos carros por meio de NFC. Ainda que algumas fabricantes já contem com soluções nesse sentido, a padronização deverá garantir que mais celulares sejam capazes de abrir mais veículos.

O projeto tem a contribuição de mais de 70 empresas como Apple, Samsung, LG, Panasonic, Audi, BMW, General Motors, Hyundai e Volkswagen. Por enquanto, trata-se apenas do início de uma padronização para a chave digital.

Por conta do interesse das empresas, o consórcio passou a trabalhar em uma segunda versão do projeto para padronizar o protocolo de autenticação entre veículos e dispositivos. O objetivo é criar uma solução que diminua os custos da implementação da chave digital. Esta etapa deverá ficar pronta no primeiro trimestre de 2019.

Fonte : Tecnoblog/Car Connectivity/Consortium/Mac Rumors