[ 24/9/2018 ]
Volkswagen pretende iniciar produção de ...

[ 24/9/2018 ]
Crise na Argentina desafia produção de v...

[ 24/9/2018 ]
Salão do Automóvel foca nos elétricos e ...

[ 24/9/2018 ]
Presidenciáveis rejeitam renovar subsídi...

[ 24/9/2018 ]
Jetta ganha traços mais esportivos na li...

[ 24/9/2018 ]
O maior acerto de uma montadora francesa...

[ 24/9/2018 ]
Governo alemão e montadoras continuam co...

[ 24/9/2018 ]
VWCO e Ambev somam forças em prol da mob...

[ 24/9/2018 ]
Salão do Automóvel 2018 terá atrações di...

[ 24/9/2018 ]
GM anuncia vencedores do Prêmio de Suste...

[ 21/9/2018 ]
Volkswagen já avalia alternativas para a...

[ 21/9/2018 ]
Rota 2030 deverá passar no Congresso em ...

[ 21/9/2018 ]
Veículos mais "limpos" evoluem, mas aind...

[ 21/9/2018 ]
Volkswagen trabalhará aos sábados...

[ 21/9/2018 ]
Preço do GNV sobe mais do que o da gasol...

[ 21/9/2018 ]
ANP libera mais R$706,6 milhões à Petrob...

[ 21/9/2018 ]
Diminui a confiança dos empresários da i...

[ 21/9/2018 ]
Jetta ganha traços mais esportivos na li...

[ 21/9/2018 ]
Ambiental restaura trólebus que reúne a ...

[ 21/9/2018 ]
Ônibus, responsável pelo transporte de 8...




 

Data: 22/6/2018

4TRUCK projeta crescer 40% em 2018 e em 2019
 
A fabricante de implementos rodoviários 4TRUCK projeta crescer 40% em 2018 e em 2019, focada na expansão da divisão de Unidades Móveis. Segundo Osmar Oliveira, sócio-diretor da empresa, o comportamento do consumidor mudou e obrigou o mercado a se reinventar.

“Para alcançar os clientes, as marcas têm investido em novos formatos de negócios e as unidades móveis têm ganhado muita visibilidade”, disse.

O sócio-diretor decidiu investir em trabalhadores com experiência e vivencia no setor, contratando pessoas para a área comercial, técnica e na produção, tudo para suportar a nova demanda e oferecer assistência especializada em todo o processo, da concepção do projeto ao acabamento da unidade móvel.

“Devido a nossa experiência com implementos rodoviários para transporte de cargas e projetos customizados, era muito comum recebermos solicitações para que executássemos as transformações técnicas nos baús. Com a reestruturação e expansão dessa divisão, hoje nós somos o parceiro estratégico de negócio dos nossos clientes, deixando de vender somente o ‘produto’ e passando a oferecer soluções sobre rodas”, afirma.

Fonte : Frota e Cia