[ 20/2/2019 ]
Ford fecha fábrica de São Bernardo do Ca...

[ 20/2/2019 ]
Volkswagen lança T-Cross e anuncia retor...

[ 20/2/2019 ]
Balança comercial tem superávit de US$ 2...

[ 20/2/2019 ]
Governo de São Paulo lança plano para ap...

[ 20/2/2019 ]
Participação do consórcio nas vendas de ...

[ 20/2/2019 ]
Sindicato dos Metalúrgicos do ABC manife...

[ 20/2/2019 ]
Ford Fiesta sai de linha este ano; fábri...

[ 20/2/2019 ]
Renault registra SUV cupê Arkana no Bras...

[ 20/2/2019 ]
BMW Group Brasil planeja ofensiva de pro...

[ 20/2/2019 ]
Novo T-Cross é mais caro que os rivais...

[ 19/2/2019 ]
Iveco ampliará rede de atendimento no Pa...

[ 19/2/2019 ]
Paccar apurou resultados recordes em 201...

[ 19/2/2019 ]
Economia perde ritmo e deve ter desempen...

[ 19/2/2019 ]
Investimentos em transportes avançam nos...

[ 19/2/2019 ]
Sem impostos, Cruze é mais barato aqui d...

[ 19/2/2019 ]
Fiat Mobi recebe pacote de personalizaçã...

[ 19/2/2019 ]
Daimler Trucks atinge recorde com veícul...

[ 19/2/2019 ]
Vendas de veículos na China recuam pelo ...

[ 19/2/2019 ]
Produtores de biodiesel defendem qualida...

[ 18/2/2019 ]
VWCO domina vendas de caminhões médios...




 

Data: 24/9/2018

Volkswagen pretende iniciar produção de ônibus híbrido elétrico no Brasil
 
A Volkswagen pretende iniciar a produção de um ônibus híbrido elétrico no Brasil em 2021. O anúncio foi feito por Roberto Cortes, presidente da MAN Latin America, que controla a empresa em Hannover, na Alemanha.

Chamado de Volksbus e-Flex, o modelo ainda está em fase de testes. O protótipo tem um motor movido a etanol ou a gasolina. Quando o propulsor está em funcionamento, gera energia para a bateria da parte elétrica.

Desta forma, segundo a Volkswagen, a eficiência do combustível é pelo menos 30% superior à de um veículo tradicional.

O motor utilizado no ônibus seria o mesmo do Golf, um veículo leve produzido pela Volkswagen. As informações foram publicadas pelo Estado de S.Paulo.

Portal de logística

Outra novidade da marca é que a Volkswagen Caminhões e Ônibus vai lançar no Brasil um portal digital de logística. O objetivo é ampliar receitas como mercado de serviços de transportes, conforme informado por Roberto Cortes.

Inicialmente, o produto será para veículos da marca, que a partir de 2019 já vão sair de fábrica com uma conexão digital chamada de RIO Box. O nome é por conta da parceria com a RIO, que também é controlada pelo Grupo Traton, assim como a Volkswagen Caminhões e Ônibus.

A tecnologia vai funcionar, segundo Cortes, a partir da inteligência de dados de uso do veículo, que vão ficar armazenados em uma nuvem. Com isso, será possível oferecer 20 serviços que atualmente são comprados individualmente.

Os serviços incluem encomendas para troca de peças, revisão, monitoramento de segurança e, até mesmo, apólices de seguro sob medida.

Fonte : Diário do Transporte/Reuters/Jessica Marques