[ 16/1/2019 ]
Produção de picapes marca início da parc...

[ 16/1/2019 ]
Setor de caminhões em bom momento...

[ 16/1/2019 ]
Setor automotivo segue otimista, mas pre...

[ 16/1/2019 ]
Com DNA alemão, concessionária Ssangyong...

[ 16/1/2019 ]
Os 60 anos do Fusca brasileiro...

[ 16/1/2019 ]
Fornecedora de montadoras implanta plata...

[ 16/1/2019 ]
Carros Autônomos: marca americana mostra...

[ 16/1/2019 ]
VW produzirá modelos elétricos nos EUA...

[ 16/1/2019 ]
Salão de Detroit abre com incertezas sob...

[ 16/1/2019 ]
SUV, caminhões e carros esportivos prota...

[ 15/1/2019 ]
Autopeças faturam 18,9% a mais até novem...

[ 15/1/2019 ]
Com reação da indústria, mercado de ônib...

[ 15/1/2019 ]
CNH anuncia nova estrutura organizaciona...

[ 15/1/2019 ]
País já fez consultas à UE sobre limites...

[ 15/1/2019 ]
Pela quarta vez, Onix é mais vendido...

[ 15/1/2019 ]
Granero renova a frota com 10 VW Constel...

[ 15/1/2019 ]
Grupo Daimler Trucks global vende mais d...

[ 15/1/2019 ]
Tecnologia busca controle total da mobil...

[ 15/1/2019 ]
Ônibus urbanos elétricos eCitaro da Merc...

[ 15/1/2019 ]
SUV, caminhões e carros esportivos prota...




 

Data: 19/10/2018

Ford GT ganha mais dois anos de produção
 
A Ford anunciou que a produção do GT se estenderá por mais dois anos. Com uma demanda muito grande, a montadora aumentará o ritmo de produção do modelo esportivo para satisfazer seus clientes.

Durante um mês, a partir de novembro, a companhia de Detroit reabrirá pedidos em mercados selecionados. A produção aumentará o volume de 1.000 para 1.350 carros por ano. Antes do anúncio, a Ford já havia aumentado a produção do GT, que pretendia entregar 138 veículos e fez 250 em 2017. Originalmente, a produção terminaria em 2020.

“A procura pelo nosso Ford GT não tem precedentes, com uma demanda inicial sendo superada em mais de seis vezes. Estendendo a produção por um período limitado, estaremos aptos a manter a exclusividade do ultra-desejado supercarro enquanto oferecemos uma experiência incrível ao grande número de donos e colecionadores”, disse Hermann Salenbauch, diretor de performance da Ford.

Intenção de compra

Quem deseja ter o supercarro em sua garagem pode manifestar seu interesse no site FordGT.com. A montadora pretende atender todos os aplicantes entre 2020 e 2022, enquanto trabalha para alcançar uma experiência personalizada para os proprietários.

Equipado com um motor V6 de 3,5 litros V6 biturbo que produz 647 cavalos de potência e 76 mkgf de torque, o GT pode alcançar até 347 km/h. O supercarro da Ford tem uma suspensão hidráulica especial que apresenta um modo de corrida. O sistema rebaixa o carro em cerca de duas polegadas. Também prepara o trem de força e o chassi para o máximo desempenho.

Fonte : Jornal do Carro