[ 16/1/2019 ]
Produção de picapes marca início da parc...

[ 16/1/2019 ]
Setor de caminhões em bom momento...

[ 16/1/2019 ]
Setor automotivo segue otimista, mas pre...

[ 16/1/2019 ]
Com DNA alemão, concessionária Ssangyong...

[ 16/1/2019 ]
Os 60 anos do Fusca brasileiro...

[ 16/1/2019 ]
Fornecedora de montadoras implanta plata...

[ 16/1/2019 ]
Carros Autônomos: marca americana mostra...

[ 16/1/2019 ]
VW produzirá modelos elétricos nos EUA...

[ 16/1/2019 ]
Salão de Detroit abre com incertezas sob...

[ 16/1/2019 ]
SUV, caminhões e carros esportivos prota...

[ 15/1/2019 ]
Autopeças faturam 18,9% a mais até novem...

[ 15/1/2019 ]
Com reação da indústria, mercado de ônib...

[ 15/1/2019 ]
CNH anuncia nova estrutura organizaciona...

[ 15/1/2019 ]
País já fez consultas à UE sobre limites...

[ 15/1/2019 ]
Pela quarta vez, Onix é mais vendido...

[ 15/1/2019 ]
Granero renova a frota com 10 VW Constel...

[ 15/1/2019 ]
Grupo Daimler Trucks global vende mais d...

[ 15/1/2019 ]
Tecnologia busca controle total da mobil...

[ 15/1/2019 ]
Ônibus urbanos elétricos eCitaro da Merc...

[ 15/1/2019 ]
SUV, caminhões e carros esportivos prota...




 

Data: 19/10/2018

AGCO implementa em suas máquinas agrícolas ferramentas em iOT com apoio da ilegra
 
Redução de custos, maior controle na qualidade de produção e na performance das máquinas. Esses são alguns dos resultados que a multinacional agrícola AGCO conquistou com a implementação da metodologia IoT (Internet of Things / Internet das Coisas) em seus equipamentos e que fazem parte do case que será apresentado pela ilegra, empresa global de negócios e tecnologia, durante o Gartner Symposium/ITxpo 2018.

Junto à ilegra, o Program Manager da AGCO, Jaime Brown, será responsável por mostrar como foi o processo de implementação e como as funcionalidades melhoraram a eficiência das máquinas em campo no projeto batizado como "IoT: Colhendo Sucesso para AGCO e Process Mining Aplicado".

Segundo Brown, os equipamentos que funcionam de forma independente trazem de fábrica um raio permitido de erro. Com o processo de conexão das máquina à rede, houve melhora na precisão do software controlador e redução de falhas.

"Vamos destacar o processo de conectividade desenvolvido pela ilegra com os nossos produtos, apresentar os resultados obtidos e mostrar como atingimos mais eficiência e produtividade, a partir das ferramentas em IoT. Agora, fazemos o monitoramento da qualidade do óleo, nível de gasolina e de custo, por exemplo, tudo remotamente, o que nos traz agilidade também", explica o executivo.

Em sua quinta participação consecutiva no Gartner Symposium/ITxpo, a ilegra também irá testar o nível de maturidade digital das empresas, identificando em qual estágio estão no processo de Transformação Digital e se estão preparadas para as novas exigências do mercado. "A ação tem como objetivo conscientizar as empresas de que a régua de exigência subiu e quem quiser seguir crescendo terá que mudar suas formas de trabalho e adquirir novas habilidades, para, assim, atender melhor seus clientes e se tornarem mais eficazes nas suas estratégias", afirma Guilherme Sesterheim, Head de transformação digital na ilegra.

A empresa está em um estande na área BrasilIT+, promovido pela Softex. A presença da companhia reforça seu posicionamento no mercado americano, que conta com escritórios em Miami e Ohio, onde opera desde 2011.

O principal evento para CIOs e executivos seniores de TI do mundo acontece até a próxima quinta, 18 de outubro, em Orlando, na Flórida.

Fonte : Cultivar News